Ir direto ao conteúdo

Página Legal

O cotidiano jurídico com muito bom humor

Por Paulo Gustavo Sampaio Andrade, advogado.

Médicos e loucos…

11/02/2008 às 19h02min Paulo Gustavoperitos

Nos Estados Unidos, algumas vezes os peritos precisaram ensinar medicina aos advogados. ;)


– O que significa a presença de esperma?
– Significa relação consumada.
– Esperma masculino?
– É o único que eu conheço.

– Doutor, quantas autópsias você já fez em pessoas mortas?
– Todas as autópsias que eu já fiz foram em pessoas mortas.

– O senhor se lembra aproximadamente a hora em que examinou o corpo do Senhor Brown?
– Foi à noite. A autópsia começou em torno das 20h30min.
– E o Senhor Brown estava morto àquele momento, certo?
– Não, ele estava sentado na mesa tentando imaginar por que eu estava fazendo uma autópsia nele!

– Senhor legista, antes de você fazer a autópsia, você verificou o pulso do paciente?
– Não.
– Você checou a pressão sangüínea?
– Não.
– Você conferiu a respiração?
– Não.
– Então, seria possível que o paciente estivesse vivo no momento em que você começou a autópsia?
– Não.
– Como você pode ter tanta certeza?
– Porque o cérebro dele estava em cima da minha mesa, em um vaso.
– Mas o paciente poderia estar vivo, ainda assim?
– É possível que ele ainda estivesse vivo e advogando em alguma corte.

(Fontes: Mr. Learned’s Legal Humor Page, Luís de Castro e Ruy Campos Vieira)

Este artigo já recebeu 2 Comentários

  1. Nossa! Sou estudante de direito e nao acredito que os advogados sejam tao burros assim para virarem piadas!
    OU melhor, até conheço uns assim, mas nao sabia que a classe ja tinha “fama”!!!

  2. Eles mataram as aulas de Medicina Legal na Faculdade?

Escreva seu comentário

(não será publicado)

(opcional)