Ir direto ao conteúdo

Página Legal

O cotidiano jurídico com muito bom humor

Por Paulo Gustavo Sampaio Andrade, advogado.

O melhor concurso do Brasil

28/05/2008 às 10h41min Paulo Gustavoconcursos

Coitados dos Delegados da Polícia Federal. Esqueça o subsídio dos Ministros do Supremo Tribunal Federal. Nem Tabelião de Protestos ganha tanto dinheiro líquido.

Bom mesmo é ser manobrista de navio. Ou melhor, Prático.

A soma das remunerações mensais pode chegar até 130 mil reais mensais. Tá bom: varia conforme a produtividade, mas nunca fica abaixo de 60 mil reais.

Praticagem é o serviço permanente de auxílio aos comandantes de embarcações, em áreas com dificuldades ao livre e seguro trânsito de navios. A lei brasileira exige que toda embarcação contrate um prático habilitado para atracar nos portos.

O prático, segundo a definição legal, é um “aquaviário não-tripulante que presta serviços de praticagem embarcado”. Não ocupa cargo nem emprego público. Não é servidor público nem militar. Organiza-se em empresas ou cooperativas de praticagem, que recebem os pagamentos diretamente dos responsáveis pelas embarcações. No Brasil, há apenas 400 práticos.

A jornada de trabalho é flexível. Em alguns portos, o prático trabalha por uma semana e folga o restante do mês. Em outros, são dias e semanas alternados. Pra não cansar muito, geralmente há duas semanas de férias a cada quatro meses.

Nem tudo é moleza. Exige-se responsabilidade e experiência: qualquer descuido pode causar prejuízos de milhões de dólares. Nada de ar-condicionado: o prático trabalha a bordo dos navios, sob chuva ou sol. Preparo físico é essencial: subir e descer escadas de corda é apenas parte do serviço.

O teste seletivo, promovido pela Diretoria de Portos e Costas da Marinha, envolve leitura técnica especializada, rigorosos exames psicofísicos e prova prático-oral em inglês.

Dizem por aí que ser filho de prático ajuda. Sabe como é… mar, peixe…

Interessado? É uma pena, mas as inscrições para a seleção de 117 novos práticos se encerraram ontem. É, ninguém me avisou antes também.

Quer praticar? Então experimente responder algumas questões do último concurso, em 2006. Comece pela questão nº 10.

Por fim, para que não restem dúvidas sobre a origem da grana, esclareço que o praticante trabalha com tráfego aquaviário.

Eu falei tráfego, não tráfico!

Pobres controladores de vôo! Só não perdem para os flanelinhas.

(Artigo inspirado em sugestão de Eurípedes Carvalho)

Este artigo já recebeu 29 Comentários

  1. BOA NOITE,
    DIRETOR,
    PEÇO A GENTILEZA DE MANDAR PARA MEU EMAILOS EDITAIS DE CONCURSOS DE DELEGADOS EM TODO O BRASIL,ESPECIALMENTE OS DE DELEGADO FEDERAL..FICAREI AGRADECIDO POR ESSA GRANDIOSA AJUDA,DESDE JA´FICO AGRADECIDO E TAMBEM MEU SINCERO AGRADECIMENTO..VOTOS D EPAZ E FELICIDADE.. HÉLIO..

  2. Olá, Hélio, este não é um blog especializado em concursos, mas em curiosidades jurídicas. Recomendo uma consulta no Google para encontrar sites especializados em concursos públicos, ok?

  3. Bom, esse concurso nos faz até pensar em esquecer dos livros que estão na prateleira, ou melhor, em jogá-los no mar, em meio a nosso novo emprego. Risos.

  4. Diretor? hehehehe

  5. Caro Paulo, este concurso é um exemplo de que quem estuda muito vence. Conheço amigos meus que sairam de famílias de classe pobre, estudavam em escolas publicas e passaram para a EFOMM- escola de formação de oficiais da marinha mercante, e após 3 anos de regime militar integral e interno, como oficiais embarcaram anos em navios mercantes, como voce vê muito em Santos, e estes amigos estudaram muito e agora passaram a ganhar estes salários que voce sabe e divulgou. O concurso não é difícil, mas a bagagem de conhecimento é vasta, e há também os oficiais da marinha que são oriundos da Escola Naval, que apesar de não terem a mesma experiencia em navios mercantes, possuem uma melhor formação escolar em 07 anos, que vem desde o colégio naval, pessoas oriundas de classe média alta, assim estas duas fontes de pessoal que disputam as carreiras de prático dos portos. Temos outros que passam, mas são excessões pois quem não é do ramo dificilmente entende a leitura de livros traduzidos e originais de navegação e similares.
    Vi a prova e questões muito fáceis e outras médias, como umas dificílimas, agora como todo concurso quem passou deve ter estudado muito e sabia realmente.
    No edital vejo também uma desigualdade para aqueles que nunca embarcaram, pois há aprova de títulos, que privilegia anos de embarque e como comandante das marinhas, assim quem é legalmente aceito pelo concurso tem sua nota da prova escrita e a nota da prova pratica dividida por 3 e quem tem titulos tem as notas das 2 provas somadas aos titulos e divididos por 3, logo se o candidato sem titulos tirar 10 em cada prova terá 20 pts dividido por 3=6.7 e o outro candidato que foi comandante/pratico e trabalhou 5 anos, terá a nota 10 em titulos e terá cada nota 10 + 10 + 10 logo 30 pts dividido por 3 =10.0. Assim um candidato que tirou 10 nas duas provas vai ter nota 7 e o outro que tem titulos vai ter nota 10. Este negócio de título é a regra, mas acho injusto pois acho que se permitem inscrição quem estiver dentro das regras tem que concorrer por igual.
    Não estou falando mal de ninguém, apenas minha opnião. abraços

  6. se posivel mande-me informaçoes sobre o concurso de pratico e o que devo estudar

  7. Caro Paulo, fiz a ultima prova de pratico dos portos, cara estava super bem preparada, tinha tudo que estudei, mas apesar de ter estudado apenas 4 meses intensivamente, minha memória falhou diversas vezes, e acdho que me saí mal.
    Vou conferir o gabarito acho preliminarmente que acertei entre 40 e 30 questoes de 73. Para o tempo que estudei eu acho que me tive um bom desempenho relativo. Este concurso é para quem estuda uns 2 anos intensivamente e tem excelente memória, calma, apoio financeiro pois gasta uns 5000,00 por baixo, tem que ser inteligente e alem disto memoria fotografica, raciocinio rapido, e na prova tentar eleimninar questoes pelo errado, pois tem sempre 2 ou 3 itens que são muito parecidos com o certo. Chutar nem pensar, pois se chutar vai ficar para trás.
    A afirmação que ganha-se muito é relativa pois quem quer ganhar concorre e passa. Disseram que tem mutreta, não sei explicar estas afirmações, pois meus amigos passaram, e no ultimo concurso quem tirou 45 questoes de 70 estava dentro, e vendo a prova, voce sai com o gabarito anotado e esta prova não estava dificil para quem se enquadrou nas condições que citei, assim qdo sai o resultado o cara confere e ve que tirou 45 ptos e ve seu nome na lista igual ao seu score, estuda para a parte pratica assim no dia faz tudo que pedem e sai sabendo que passou, seu nome sai na lista novamente, assim junta os docs e faz o exame pratico, é mole para quem tem uma vida saudavel fisicamente falando. Depois ve que escolheu a zona de praticagem, compara as notas dos candidatos e ve amigos junto ou conhecidos, que contam a maneira como passaram, tudo no feijão, digo no esforço. Asim não vejo como haver esta mutreta QUE FALAM. pODE SER QUE PRIVILEGIAM, quando chegarem em portos que as autoridades são conhecidas de turma, mas quem não faz isto no Brasil. Até no samba, nos clubes particulares quem tem amigos recebe alguma diferença no tratamento. O importante é passar e saber que vai hreceber mais de 20 mil por mes, podendo aumentar, nem vai ter tempo para comentar estas coisas. Se for solteiro, imagina que vidão, se for casado será melhor ainda pois não vai fazer besteira pois a esposa vai ajudar a administrar, pois não precisará trabalhar para os outros e sim por conta própria.
    Abraços
    William

  8. Caro Paulo, vi meu resultado, e exatamente como falei, e minha previsãoi concretizou. Não vou adiantar os pontos que fiz pois trata-se de concurso e estratégias.
    Cara te desafio, se voce tiver mesmo peito como diz nos seus blogs, pense bem imagina um concurso para médico onde faz a prova prática após ter passado nas teóricas, e quem estudou por correspondencia pode se candidatar a médico, e outras profissões onde voce se candidata ao concurso e acontece a seleção parecida com o que te falei. Digo isto pois para este concurso de prático as pessoas podem participar se forem arrais, tirados por correspondencia, enquanto concorrem com oficias de nautica da marinha mercante e oficiais da armada da marinha e praticos, é brincadeira cara, a Marinha está sem noção deixando estes principiantes concorrerem no concurso. Imagine que a prova prática é depois da teórica, hehehe, assim voce vê um capitão de longo curso ou um capitão de mar e guerra novo cheios de experiencia concorrendo com um principiante arrais, que tinha uma canoa ou um yate dá no mesmo, como acontece o principiante é um filho de papai, um malandrão boa vida, e se classifica primeiro que estes dois comandantes que falei, assim ele vai fazer a prova pratica e os dois comandantes por exemplo ficam de fora cada um por uma questão. Resumindo o pangaré do principiante fica e vai fazer escola na praticagem. é brincadeira, vemos estes caras fazendo m. até pegarem a experiencia, quando aprendem. E os dois comandantes vão tentar os proximos concursos até desistirem. A marinha tem que mudar este pensamento, ser mais competitiva na seleção, e joga contra ela mesma pois os capitães que não vão a almirante perdem estes filões. Tem que ter algum chefão que enxergue neste nevoeiro, isto que estou falando. E voce Caro Paulo, já que teve peito para iniciar este blog segura e mata nos peitos esta parada. Descasca este abacaxi e diga se entendeu, pode estar meio sem pontuações pois estou com pressa, mas um cara inteligente como voce capta longe o que estou falando, e v~e se tem algum Almirante que muda este tipo de concurso e selecione gente da Marinha Mercante ou da Marinha do Brasil,e exija para participar do concurso no mínimo curso superior em ciencias nauticas e ou posto de 1 tenente da armada e que tenha embarcado. Reflete muito mal para a Marinha, que é nossa autoridade e seleciona os profissionais práticos.
    A prova de tíulos deveria sair. Vamos igualar as chances, pois quem é bom tira a nota equivalente a sua capacidade.
    Agora vc ouviu algum bizu sobre anulação desta prova, escutei mas não acreditei muito nisto. Não gostaria de ter tirado uma boa nota e ter o concurso anulado. Mas é a vida. Todo mundo quer ganhar muito, mas ninguém quer embarcar em navios para ficar 3 x 3, até os engenheiros que fizeram adaptação para oficiais de nautica ou maquinas no ciaga bancados pelo fundo de ensino maritimo se mandaram , não ficou um.
    Na Marinha Mercante quando é bom o cascalho a Marinha coloca sempre uma norma para abrir para seus PEIXES A BOQUINHA.
    HEHEHE, Deve dar uma dor de c. opuvir estas coisas que estou falando, saiba que o Mercante não é besta.
    Abraços

    WILLIAM

  9. Caro William,li seu comentário e simplesmente não concordo.Vc falou muito,mas o que deseja mesmo é um concurso fechado para apenas algumas categorias…imagino que vc deva pertencer a alguma delas,lógico,e não quer medir conhecimentos com os demais cidadãos brasileiros…é por essas e outras que se diz o processo democrático é lento,pois os adultos demoram bastante para absorver certos conceitos de ética,justiça e igualdade.

  10. Concordo com o Luiz.Acho q William tá super-desinformado.O governo federal tá com um projeto em andamento pra ABRIR o setor de praticagem.Vai ter muitas empresas oferecendo práticos pra derrubar os preços dos serviços.Você tá na contramão dos acontecimentos!Em breve o salário vai cair para valores mais realistas,porque o q se tem hj é um CARTEL do setor.Será um salario do tipo de conferente de carga,capatazia,contramestre fluvial,por ai.O fato é que o governo planeja autorizar varias empresas a oferecer o serviço.É a tal da lei da demanda e oferta.Procure se informar.Vc tem q se ligar,meu rapaz!!

  11. Caro rafa,
    Ha muito tempo querem derrubar os praticos, porem nunca conseguem e com certeza nao vai ser dessa vez, não se iluda pensando que a praticagem nao tem força que vai ser tão fácil assim como vc pensa. Tem que ganhar muito pq é um trabalho diferenciado e se nao tiver gostando que os outros ganhem tanto, vai estudar pra tentar passar na prova e tentar ser um pratico.

  12. prezado Bruno,
    o que tentei passar foi q ,enquanto alguns querem q o concurso seja fechado,exclusivo para alguns poucos,o governo na verdade estuda criar um cargo estatal de prático,subordinado às diversas companhias Docas nos estados.E assim o pratico teria um salario de funcionario publico;certamente um bom salario,pela natureza/complexidade da função.Na verdade há inumeros exemplos de trabalhos diferenciados que NAO PAGAM BEM,de modo que seu argumento infelizmente é falho,tanto em termos de realidade,quanto em termos de lógica matematica.Mas adianto que nao tenho nada contra a profissao,so nao aceito os argumentos do William qurendo q o concurso seja fechado para uns poucos.Mais dia menos dia,vao acabar sendo controlados pelas DOCAS.E se as remuneraçoes fossem divulgadas em horario nobre,certamente seria uma loucura!!Acho q o Brasil ia parar pra discutir a profissao e os porques….Mas concordo contigo,nao vai ser tao facil assim.

  13. Caros amigos participantes respeito todas as opniões, entretanto chutar informações que ainda não sairam é especulação, vamos pela realidade e tentem argumentar direito. As docas não serão detentoras de práticos pois depende de regulamentação, não sei se vc conhece a lei 8630. Quanto ao argumento que quero um concurso fechado não é verdade, pois eu sugeri a transparência retirando a prova de títulos, e o concurso ficaria prova prático-teorica, médica, fisica e como requisito para participar seria formação.
    abraços

  14. A respeito do assunto continuo a escrever:
    A seleção para prático ideal seria abri um concurso para quem realmente já tivesse navegado uns 02 anos na função de navegação em navios seja de guerra ou mercante, 05 anos para rebocadores de offshore, assim estariam descartados estas pessoas que possuem cartas de mestres em banheiras, cascas de ovo ou canoas, como acontece(estas cartas de arrrais dão direito a inscrição no concurso)arrais serve para a finalidade de manobrar os respectivos barcos pequenos e a Marinha abriu esta brecha para que? Não sei realmente, acho que é a força de algum interesse que não sei?
    Como alguém pode deixar entrar num concurso na função de um pratico alguém que somente navega em veleiros, até lanchas pequenas na baia de guanabara e dá acesso a eles junto com pessoas com formação em ciencias nauticas formadas por uma universidade do mar com anos de comando em navios até vlcc, e até almirantes com anos de comando em navios de guerra, com altos estudos formados pela escola naval. misturar todos juntos seria como fazer um concurso para o bope e permitir que lobinhos com mais de 5 anos de idade paticipassem até escoteiros, junto com coroneis da policia militar e delegados das policias federal e civil.
    Não vejo como este concurso irá aproveitar os 117 candidatos se é certo que os 20 primeiros serão pessoas inteligentes oriundas de classe alta que estudam e são concurseiros de profissaõ como a menina que passou em primeiro lugar em 2006(ela passou em primeiro na receita, em todos os concursos que faz ela arrebenta), mas aí onde estarão os profissionais que fazem carreira marítima ? Na Argentina, no mar do norte, em outros paises o prático é de carreira. Por que não fazem uma escola de prático com concurso dentro do ciaga/ciaba e escolhem entre os melhores alunos, poderia também ser em convenio com a escola naval que faria opção de ser um prático ou seguir carreira militar.
    Depois eu continuo… Vamos tome coragem manifestem-se,

  15. Concordo com você william, concurso para prático deveria ser exclusivo para oficias de náutica com 04 anos de escola (ciaba/ciaga)e com categoria a partir de primeiro oficial de náutica e pra marinha de guerra segue o mesmo pensamento. Pq pra concurso pra delegado da policia federal so faz quem é diplomado em advocacia?????
    Essa moça que passou em primeiro lugar assim como varios quem vao passar agora neste concurso não sabem nada de navegação, vão conhecer um navio pela primeira vez, isso é um absurdo. Só nao concordo em uma coisa contigo william, quem trabalha em offshore com certeza tem muito mais experiencia em manobra do que um oficial de navio.

  16. Enfim os ultimos acontecimentos sobre este concurso de pratico dos portos anuncia envolvimento de autoridades e pessoas ligadas ao setor do concurso. Acho que o Brasil sempre foi assim, o que acontece que existem pessoas influentes no meio daquelas que não passaram, somente isto, senão seria mais uma estorinha terminada em pizza. Agora e as pessoas que relmente passaram, como uns ex alunos da Efomm que sabiam demais e gabaritaram as provas. é infelizmente eles vão ter que fazer a prova novamente, não dá para separar quem colou de quem estudou, e como vimos no concurso de 2006 pessoas que tiraram excelentes notas e neste concurso sequer pontuaram para tirar nota mínima, estranho não?

    Que vença o melhor e a honestidade

    William

  17. tenho 22 anos qero entra na marinha mercante como faço

  18. Parabéns ao proprietário do site e aos comentaristas. Poucas vezes vi um debate tão produtivo na net.
    Segue, para análise, já que muito se falou em “armação” no concurso de prático, a ação civil pública impetrada pelo MPF-RJ:
    http://stat.correioweb.com.br/cbonline/2009_02/acaocivilpublica.pdf

  19. Pessoa, é o seguinte, marinha mercante, pratico rola zilhões de dolares, e o Paulo foi magnifico em esclarecer estas informações. Veja SÓ… você Paulo ou alguem que tem contato com os presidentes dos PRATICOS PORTUARIOS, PEDE a eles para abrir o concurso para o cara trabalhar APENAS 2 DIAS POR ANO, e receber seu devido salario d apenas 130 mil POR ANO…, e abrir portas para outros pratico, JUSTIÇA, façam a justiça O que é honesto, sincero, amavel. Coisa de homem de negócios, de futuro. Você é BRASILEIRO, “verás que os filhos teu nao foje a luta”. HONREM a sua nação… Eu fiquei impressionado como salário… 130 mil por mes?… até o presidente Lula quer ser pratico…. fato de passar até 5 anos sentado com a bunda na cadeira, em sala de aula, NAO JUSTIFICA NADA, em um ramo q tem que ter pericia tecnica, estratégias, calculos, prática do dia-a-dia… Entaum nada melhor do que ABRIR CONCURSO recrutar VOLUNTÁRIOS que acompanhem um pratico em um dia de trabalho. Recrutado, o cara faz outro concurso pra trabalhar apenas 2 dias por ano, no maximo. DEÊM OPORTUNIDADE PARA QUEM É ESTUDANTE POBRE, FAVELADO… Estes “CONCURSADOS” que são parentes filhos dos praticos, como também suas familias, c Deus nao tiver misericordia, eles nao vao pro céu não. Fala sério…, dê oportunidade pra quem nao tem…. ESTOU DANDO A MINA DE DINHEIRO AI.. QUEM FOR ESPERTO, pega… pelo menos se puderem, coloquem meu nome em reconhecimento da ideia q estou dando ok… Quer ser pratico, pratique de graça primeiro pra depois estudar e entrar pra carreira…isto é justiça…

    Claudio Cesar

  20. Como eu faço para ter um emprego desses?
    me responda que eu faço o que pricisar para conseguir uma vaga!
    estudo qualquer curso ou faculdade para conseguir uma vaga dessa!

  21. Eu concordo totalmente com o Willian, pois pela complexidade da profissão, há de se obter um salário diferenciado (maior) em relação à outras. Pois absurdo, são os políticos ganharem o q ganham e não uma pessoa dedicar sua vida aos estudos para passar em uma dessas provas!
    Bom, gostaria d fazer uma pergunta. Tenho 16 anos, e faço máquinas navais em uma escola técnica, entrarei p EFOMM no próximo ano e gostaria d saber se nesta área (prático), trabalham mulheres, pois embora há muito preconceito à respeitos d mulheres em algumas áreas, hoje em dia cerca d 50% das mulheres é qm sustentam os lares.
    Abraço!!

  22. Boa Tarde a todos.

    Vi que muitos estão em dúvida quanto à profissão, e também procuram um curso de qualidade.
    Olhem o link em anexo:

    http://www.mapadosconcursos.com.br/index.php?idPagina=23

    Espero ter ajudado!

  23. gostaria de saber se um civil pode fazer essa prova para virar pratico?e como faz pra conseguir? muito grato !!!rodrigo da silva

  24. William e outros,
    Se o cara “de classe média alta que navegou menos” passou e vc não passou, é porque o cara é melhor!
    Estude e esteja na frente no próximo concurso!
    Praticagem não é para medianos!

  25. Li todas as opiniões e digo o seguinte:ao passar dos anos as coisas estão ficando mais rígidas, pois no edital do concurso de 97 bastava ter 2ºgrau. Outro fato é que quem não é da marinha e tem carta de arrais pode fazer, mas não terá os pontos adicionais, portanto, para passar deve tirar nota superior aos demais na prova escrita somada a oral. A prova tem questões fáceis, médias e dificílimas, como as de meteorologia. Amigos meus já ficaram perto de passar, mas desistiram de concorrer. Acho que no início, quando se passa e vai conduzir um navio sozinho pela primeira vez deve ser uma sensação das mais dificeis na vida. Outro fato que se deve dizer é que no nosso sistema atual os bens tem valor superior à vida humana, senão um piloto de avião teria de ganhar mais que um de navio. Com relação ao serviço, eu gostaria de ser prático, mesmo se ganhasse 15000,00 por mês. Quem mais ganha são os donos de rebocadores e balsas. Mas, se eu nunca passar ou desistir, não me desesperarei pois a vida é assim mesmo e de que adianta viver sonhando? O que mais me intriga é saber que um prático pediu a um eletricista para fazer gato de luz em sua casa, pois a conta vinha alta demais(o mesmo eletricista que trabalhou pra ele me disse isso quando o chamei para um serviço em casa). O que acham dessa? E tem mais, na minha cidade um prático ao ser questionado sobre onde trabalhava seu filho que tinha um carro de 120000,00, respondeu que o rapaz acertara na mega-sena. Reflitam.

  26. como fasso um curso prara me tornar um pratico preciso de m alcilio prara alcançar minha meta e lhe pesso uma ajuda obrigado

  27. Gostaria de saber quando vai ser o proximo concurso para Manobrista de Navios ou Pratíco.Peço que por gentileza me mandem as informações para o meu E-mail.
    Na certeza de ser atendida agradeço antecipadamente.

  28. por favor quem puder me mandar mais informações e o próximo edital do concurso é angelicalmeg@yahoo.com.br,

  29. Eu queria saber-sé para fazer o curso de pratico pode esta cursando biologia

Escreva seu comentário

(não será publicado)

(opcional)